16.2.11

Considerações I

Quando algo começa sem data para acabar,
mau sinal.
Pode não ser real.

6 comentários:

Aninha Kita disse...

Ah, dependendo do que se trata, podem ser as melhores coisas. Amizades, relacionamentos, leituras, paixões, conquistas, desenvolvimentos (por exemplo, o infantil para andar ou falar)...

Enfim, há coisas sim que precisam de datas, que sejam reais e levadas a sério, não "por volta de".

Vale pela consideração! ;)
Beijos, beijos.
Ana.

CARLA STOPA disse...

Ai, será? Então, que seja eterno enquanto durar...Abraço.

Alicia disse...

normal-mente, a gente se dá mal.

Maria G. disse...

Tudo que nasce, morre... A data, pode ser indeterminada, mas não o fim.

M.G.

Canteiro Pessoal disse...

Inicio,
meio
e fim.
De sólido,
e aperfeiçoamento no adiante - multiplicar.

Priscila Cáliga

Capitu disse...

Eu particularmente nunca vivi nada com 'datas premeditadas' ..
Mas ...


beijoos dia lindo pra tí.