13.11.11

Mais intenso com menos qualidade

Hoje em dia vivemos de modo extremamente apressado. Acordamos com pressa, fazemos as refeições dessa forma, assim trabalhamos e queremos dormir de forma instantânea. Consequência de nosso atual momento de mundo. Contudo, criamos dessa forma também vínculos artificiais. Procuramos relacionamentos curtos, estreitamos poucos laços, seguindo a filosofia do "a vida é curta, não podemos esperar". Existem várias canções a esse respeito, mas uma em especial me chama a atenção, é "Time to Pretend", da banda MGMT. A letra é toda sobre uma geração que se preocupa apenas com resultados, com poder, sem pensar nas consequências. Um verso que me marca em especial é o seguinte:
"This is our decision, to live fast and die young"
(Essa é nossa decisão, viver de forma apressadamente e morrer jovem)
Dessa forma, sepultamos enfim uma certa mágica que existia na vida. Se de fato a tal "mágica" existia.

Um comentário:

Alê disse...

Infelizmente, atropelamos a nós mesmos o tempo todo... E vivemos muito mal,



=(