18.4.10

O Crime

O crime dele era comer escondidos os pãezinhos que a mãe fazia para o pai.
O dela era tomar remédios demais sem motivo aparente, para talvez curar o que ela sentia, mas não sabia explicar.
Já o crime do padre Amaro foi se apaixonar pela mulher mais linda do povoado e mandar o celibato pros ares.

E o seu crime?

Um comentário:

Í.ta** disse...

belíssimo crime o do padre!

o meu acho que é torcer pelo mengo. haha

abraço.